Casamento temático: festa junina 5


Chegou junho, o mês das festas de São João. Quer tradição mais brasileira?

Quem adora festa junina e se casa entre junho e julho pode juntar as duas coisas!

Como já falei antes, o segredo de um bom casamento temático é não transformar a ocasião em festa à fantasia, mas incluir detalhes que remetam ao tema de maneira sutil e simpática, dando um toque pessoal à festa, sem deixar de lado a “cara” de casamento.

Aqui vão algumas inspirações para quem quer fazer uma bela quermesse no próprio casamento!

Docinhos de casamento temático de festa junina da Louzieh Doces

 

A parte mais gostosa das quermesses, sem dúvida alguma, é a comida! Pipoca, pipoca doce, paçoca, pamonha, pinhão, amendoim, cachorro quente, bolo de cenoura, quentão, beiju, pé de moleque, cocada, milho… Água na boca!

Você pode usar esses ingredientes nos docinhos do casamento e dar uma cara junina a eles, para que a mesa de doces lembre uma quermesse, como esta mesa de docinhos estilizados da Louzieh Doces (ela sempre arrasa, né?).

Essas comidinhas podem fazer parte do seu cardápio de maneira estilizada. Em vez de ilha de crepes, que tal uma ilha de tapioca? Mini muffins de broa de milho também são uma ótima! Abaixo, uma idéia para a pipoca muito bacana (garimpada no blog Economia de Noiva): colocá-la em um pote de vidro com um rótulo personalizado nas cores do casamento, com uma pá para servir e saquinhos de papel prontos para o uso! Vale a mesma idéia para amendoim e castanhas!

Como servir pipoca no seu casamento de festa junina

Ano passado, tive o privilégio de viajar ao interior da Bahia, lá para a cidade de Amargosa, para conhecer as festas de São João baianas e aprender os costumes de decoração, comida e música.

Foi lá que aprende que a chita, esse tecido super florido e colorido, é super tradicional na decoração das festas juninas do Nordeste. Além  de lindo é uma referência muito mais brasileira que o xadrez relacionado ao estilo country americano ou o tartan escocês (que também são lindos, mas gringos!).

O legal é que você pode usar a chita de várias maneiras no seu casamento, das mais “cheguei” às mais discretas. Você pode usar a chita para fazer prendedores de guardanapos (como estes que encontrei no blog Véu e Grinalda) ou embrulhar bem-casados (como estes lindos da Magda Bem-Casados).

Casamento de festa junina: bem-casados com embalagem de chita

Casamento de festa junina: Porta guardanapo de chita

Até o convite do seu casamento pode levar chita na composição, como este modelo lindo da Maria Invenção.

Bandeirinhas também são a cara da festa de São João! Em vez de encher o salão todo com elas, monte uma pista de dança tipicamente junina, com um balão no centro e fileiras de bandeirinhas saindo em direção às paredes (só encontrei esta foto das bandeirinhas ao ar livre no Flickr da Lierana, mas dá pra ter uma idéia!). Na hora da animação, ofereça adereços de pista como chapéus de palha e lencinho caipira para o pescoço.

Bandeirinhas da festa de São João de Amargosa, na Bahia

Não pode faltar música de quadrilha no casamento temático de festa junina, né? Mas ninguém merece só esse tipo de música! Então, monte uma playlist que valorize as músicas sertanejas, do estilo universitário ao sertanejo “de raíz”. Vale pedir que a banda faça um momento “dupla caipira” para animar os convidados!

E vocês, tem mais alguma sugestão para um casamento temático de festa junina?


sobre Cíntia Costa

Jornalista e publicitária, é a autora do blog e do livro Planejando Meu Casamento. Casou-se em 2009 com o amor da sua vida e chora em todos os casamentos que assiste!


Leave a Comment

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

 

5 thoughts on “Casamento temático: festa junina