Como comprar imóvel à vista morando de aluguel

Achou o título provocativo? Quando ouvi essa proposta, estava em uma palestra sobre finanças do Rafael Paschoarelli (professor da USP, especialista em finanças), morrendo de sono. Acordei na hora, me ajeitei na cadeira e colei os olhos no telão.

Sim, é totalmente possível comprar seu apê morando de aluguel. Melhor ainda: desse jeito, você não assume dívidas, não paga juros e tem sua casa própria em menos tempo que no financiamento.

Livro “Casais inteligentes enriquecem juntos” a partir de R$ 15,90

Se você é noiva ou noivo, chame seu respectivo, coloque-o em frente a esse computador e façam as contas juntos. Se você nunca nem pensou em casamento, mas veio parar aqui procurando formas de comprar sua moradia sem vender a alma, bem-vindo também. Lá no final do post, tem um link para uma calculadora de simulação (com o mesmo nome do título) para vocês comprovarem que não estou inventando!

Proposta

Se você está prestes a financiar um apartamento é porque a parcela do financiamento cabe no seu bolso, certo? A proposta aqui é: separe esse valor exato entre uma parte para pagar o aluguel de um apartamento no mesmo nível daquele que você quer comprar e outra para “poupar”. Todo mês, o dinheiro que sai do seu bolso será o mesmo que você já se planejou para desembolsar.

Em menos tempo que o financiamento, o dinheiro que você “poupou” por mês (que pode ser guardado em uma poupança, mas também colocado em outras aplicações que rendem mais) alcançará o valor do imóvel que você quer comprar. Não se esqueça que, quando for comprar o apartamento, também poderá usar o dinheiro acumulado no seu FGTS!

DVD player a partir de R$ 99.

Por que isso funciona?

Você já parou para calcular os juros embutidos nos financiamentos de apartamentos? Eles são altíssimos. O valor que você pagará de aluguel será menor que os juros cobrados no financiamento. É por isso que você alcança seu objetivo (o valor total do apartamento) em muito menos tempo.

Prós

  • Você não assume dívidas e, portanto, se perder o emprego no meio do caminho, não precisa se desesperar.
  • Você tem mais mobilidade. Se trocar de emprego e quiser se mudar para mais perto, ou descobrir que a região que você escolheu não é tão boa assim e quiser se mudar, será mais fácil.
  • Você não perde dinheiro com juros. Tudo que você poupar, será patrimônio seu. As primeiras parcelas do financiamento são as que tem o maior percentual de juros. De R$ 1 mil que você paga, R$ 900 são para pagar os juros (isso se chama amortização). A cada mês, o valor da parcela baixa por conta da amortização dos juros. Porém, se você quiser vender o apartamento antes de quitá-lo e já tiver pago R$ 10 mil, por exemplo, ele não valerá R$ 10 mil. Valerá menos, tipo R$ 5 mil. O resto é juros.
  • Você ganha poder de negociação. Quando finalmente puder comprar o apartamento, terá todo o dinheiro na mão e pagará à vista. E, como sabemos, quando se paga à vista, pode-se pedir descontos significativos. Isso significa quer você pode pagar menos ou comprar um imóvel mais caro.

Contras

  • Você precisa ter disciplina pra fazer dar certo. Quando você tem um carnê de financiamento para pagar e sabe que, se não pagar, vai se dar muito mal, você não pensa duas vezes. Dá um jeito de pagar mesmo quando o orçamento aperta. Se não encarar o dinheiro que deve ser guardado todo mês da mesma forma que uma parcela de financiamento, vai tudo por água abaixo e ficará de mãos vazias depois de alguns anos.
  • Você terá de esperar mais para ter um imóvel no seu nome. Mas não se iluda: ele será quitado em menos tempo!

Calculadora de simulação

Clique para acessar a calculadora de simulação

Agora que você já leu tudo, faça a simulação nesta calculadora do UOL Economia.

Você precisará cadastrar seu e-mail e então preencher os campos como o valor do apartamento desejado, o número de meses em que pretende financiar, a taxa de juros proposta pelo financiamento e, na comparação, o valor do aluguel de um apartamento, quanto vocês podem poupar por mês e qual é a taxa de rendimento da aplicação (poupança etc).

A planilha mostrará qual das duas opções é mais vantajosa para seu caso.

Divirtam-se e compartilhe aqui os resultados. Ah, vale dizer que eu e o meu noivo optamos por essa opção para comprar nosso cantinho.

Facebook Comments

51 thoughts on “Como comprar imóvel à vista morando de aluguel”

  1. Elide disse:

    Nossa, muito boa esta planilha, e eu nem imaginava que morar de aluguel tinha suas vantagens…

  2. Andreia disse:

    Cintia adorei esse post… eu moro de aluguel e terei q faze-lo por um bom tempo ainda rsrsrs mas nunca pensei por esse lado… vou tentar fazer esse esquema… bjs

  3. Yasmim disse:

    Acho bacana, mas o dinheiro que se paga o aluguel também não é recuperado.

    Beijos

  4. Maíra disse:

    O problema desta conta é que com a metade de uma parcela de financiamento, você não aluga um imóvel do nível do que quer comprar. Aqui em SP, pelo menos, certamente não. No exemplo mesmo da planilha. Um imóvel pelo qual vc paga entre 300 e 400 de aluguel não custa 80 mil. Ou seja, a proposta é você morar bem mal para economizar para a prestação. Mas disso, todo mundo sabe. Mas tem que estar disposto a morar num lugar que custe isso de aluguel.

  5. Cibele disse:

    HAHAHA Pus os dados da minha casa que eu comprei no começo do ano e deu exatamente o mesmo tempo!! 180 meses! Prefiro comprar agora, pq agora a casa é minha e eu arrumo ela do jeito que eu quiser! E ainda eu ponho o fgts periodicamente e diminuo o meu “aluguel”. Sendo que se fosse simplesmente para acumular fgts o beneficio de diminuir a parcela não ia existir.

  6. Yasmin, o dinheiro do aluguel realmente não é recuperado, mas o dos juros também não é. Quando vc vende a casa, não recupera o dinheiro todo que pagou. A diferença é que o dinheiro “jogado fora” com o aluguel é bem menor que o “jogado fora” com os juros.

  7. Yasmim disse:

    Entendii.. é verdade..

    Mas entre as duas opções, fico com a compra….

    Beijoos

  8. É, tem que ver sempre caso a caso, né.
    O importante é fazer as contas direitinho e ver qual é a melhor opção pro casal. 🙂

  9. Isabele disse:

    Eu optei por não morar de aluguel. Tenho horror a isso e também tem um grande contra: vc não pode mudar o apartamento, fazer obras, comprar móveis bons pq não sabe se vai caber no seu futuro apartamento. Juntei muito dinheiro e financiei metade do meu apartamento. Eu, pelo menos, ainda não me arrependi.

  10. Zezé disse:

    Cíntia, adorei esse post!Me deu uma animada, pq estamos nos mudando para SP esse ano e ficaremos um tempo pagando aluguel. Vai se a primeira vez e estávamos apreensivos se ia dar pra comprar um apê por aí, daqui a algum tempo – curto prazo – mesmo pagando o aluguel.

    obrigada pela dica!

    beijo!

    ps: falando do bolo do casamento, o meu não ficará num lugar desprivilegiado, não: ficará na mesa dos doces, bem no meio, bem em destaque! ;D

  11. Mônica Hortolan disse:

    Cíntia!

    Amei este post. Principalmente por causa da planilha que estava buscando há tempos.

    Eu e o meu noivo optamos por isso, morar de aluguel poupando para comprar nosso imóvel a vista.

    Sempre que nos perguntam da casa e falamos isso, as pessoas torcem o nariz, falam que estamos fazendo uma besteira, que dinheiro de aluguel vai para o lixo e etc. O financiamento de imóveis é algo muito presente na cultura do brasileiro e muitas pessoas não percebem a ilusão que estão entrando.

    Enfim, se essa teoria não fosse verdade o Gustavo Cerbasi e o Rafael Paschoarelli não estariam ganhando dinheiro por aí com tantas palestras.

    Beijos

  12. Vania disse:

    Oi Cinthia!
    Parabéns pelo blog! Está demaaaaaais!
    Parabéns tb pelo noivado!
    Quanto ao aluguel, quase fizemos isso e pesquisamos bastante.
    Não encontramos nenhum apartamento “simples” em qq bairro seguro por menos de R$ 800. Portanto, vc teria que ter no mínimo o dobro desse valor disponível para a suposta prestação para que esse plano dê certo.
    Não deixa de ser uma boa forma de planejamento!
    Beijinhos…

  13. Carlos disse:

    Olá, gostaria de saber se eu pagando um aluguel de 750,00, qual seria o valor do imovel que coloco na planilha. Eu nao entendi muito bem, desculpe. Por exemplo, hoje a casa que pretendo adquirir vale por vola de 130000,00, quais os valores da planilha que devo observar e guardar? qual é o juros mensal e anual da caixa economica por exemplo. Obrigado, beijo

  14. Helvio disse:

    Olá, concordo com essa idéia. Foi difícil, mas consegui convencer minha noiva a fazermos o mesmo. Para que não deixemos de ter disciplina nós fizemos também um consórcio de imóveis com a diferença, acho que foi uma boa opção, uma vez que o consórcio também não tem juros e poderemos utilizar o FGTS no melhor momento.
    Quanto aos juros da CEF.
    Taxa efetiva de 7,9347% a.a ou 0,6383% a.m.

  15. Josy disse:

    Mô veja… Mito importante

  16. Vinicius disse:

    No exemplo da planilha, são necessários 74 meses para juntar R$80.000,00 (valor do imovel hoje). Porém daqui 74 meses, este imóvel custará muito mais. O valor do imóvel não está sendo REAJUSTADO.

  17. Natália Dias disse:

    Muito 10 o post…
    Não havia pensado nessa possibilidade!!

    Tudo no site, ajuda muito!!
    Amei, estarei sempre por aqui!!
    Beijos Cí!!

  18. Alan disse:

    “Vinicius disse:

    19 de setembro de 2008 às 14:39
    No exemplo da planilha, são necessários 74 meses para juntar R$80.000,00 (valor do imovel hoje). Porém daqui 74 meses, este imóvel custará muito mais. O valor do imóvel não está sendo REAJUSTADO.”

    Imóveis também desvalorizam, é difícil mas acontece…

  19. Alessandro disse:

    Muito legal o seu blog, em breve vou falar sobre ele no meu.
    Eu vou casar esse ano e estou buscando dicas sobre vários aspectos, então o seu blog foi uma mão na roda.
    Ah mas queria dizer que infelizmente o link para a planilha não está mais pegando e eu estou doido para testar como funciona, será que tem como solucionar isso?

  20. Bruna disse:

    olá…gostaria de baiar a calculadora de simulação..
    mais o link tah com problema!!
    tem como arrumar o link??

    desde já agradeço
    e aguardo!!

  21. Gelson disse:

    Ola!!!
    É interessante esse assunto!!!
    Estou tentando fazer o download, mas o site não responde, nem sequer a pagina do site abre!!!
    Como posso estar baixando a calculadora de outra forma???

  22. Ivan disse:

    Achei bastante interessante, mas você também pode alugar o apto que está financiando. Há muitas regiões em que o aluguel é maior do que a parcela total do financiamento; os inquilinos pagam o condomínio/IPTU et cetera, e pronto: o apto se paga sozinho, e ainda sobra dinheiro. Daí, vc pode morar de aluguel sim, mas em outro local, claro.
    E é mais fácil mudar de um aluguel para outro.

  23. Lara disse:

    não consigo baixar a calculadora!
    =(

  24. Mariana disse:

    a calculadora nao abre mais…..teria como funcionar novamente?

  25. fernanda disse:

    oi bom dia nao consigo usar a calculadora e agora o que fazer

  26. Ketlen disse:

    Galera acesse o site http://www.comdinheiro.com.br/
    e depois selecione a opção financiamentos – Em quanto tempo compro meu imóvel à vista morando de aluguel ?

    Boa sorte a todos …
    Bjs

  27. raquel disse:

    Nao consegui abrir o link da calculadora “como comprar seu imovel morando de aluguel”

  28. Gi disse:

    Também não consegui abrir o link… eu estou desesperadamente querendo comprar um imóvel também, em são paulo… meu casamento é no fim do ano…

    Procurei na web alguns imóveis.. sério gente, o que me preocupa é a burocracia… Alguém indica alguma imobiliária em SP? eu achei um site de busca de imóveis o http://www.agente imovel.com.br mas gostaria de mais alguma referência…

    Bjo
    Gi

  29. Gi, você conhece a http://www.voceimobiliaria.com.br? Eles são parceiros aqui do blog e tem um atendimento muito legal. Eu indico!

  30. Gabriela Guimarães disse:

    Cinthia!

    Menina, primeiramente, amei seu blog!!!! Será muito útil para o planejamento do meu casamento. Obrigada por ajudar tantas noivinhas sem noção de muitas coisas como eu!

    Segundo, não consegui baixar a calculadora. O link tá com algum problema? Você poderia me mandar por email?

    Aguardo resposta.

    E mais uma vez parabéns pelo lindo blog!!

    Gabi

  31. Fabricio Perez disse:

    Ola ! nao consegui vizualizar a planilha, aparece como pagina nao encontrada…vc poderia me enviar por gentileza..grato e parabens!!!

  32. Vitor disse:

    Pessoal,

    O texto é lindo porém sempre esquecemos de um detalhe importande. O imóvel que eu decido financiar valoriza com o tempo. Um apartamento que custa 80.000 hoje certamente não custará amanhã. Com a redução da taxa selic o acesso ao crédito vai aumentar muito no proximo ano, aumentando a demanda e a valorização dos imóveis novos e usados. Levem isso em consideração também quando forem fazer sua analise. Na cidade onde moro os imoveis valorizaram 20% só no ano passado.

    Abraço a todos e qualquer dúvida estou a disposição.

    [email protected]

  33. Alessandro disse:

    Achei muito interessante a matéria e já li o livro (casais inteligentes crescem juntos)foi uma grande lição para mim.
    Hoje á uma grande dificuldade das pessoas poupar seu dinheiro ainda mais quando é para compra do imovel proprio, leva muito tempo para chegar no valor que precisamos isso se não pegarmos o dinheiro antes, porque qualquer dificuldade financeira sabemos que podemos contar com esse dinheiro que estamos poupando.
    Meu amigo fez uma carta de credito atravez do consorcio em dezembro de 2008 e no mes de Dezembro de 2009 ele foi contemplado e esta para comprar seu imovel sem pagar juros, ele só paga taxa adm que sai muito menor do que o financiamento.

  34. Caetano disse:

    O link da calculadora esta quebrado.

  35. any caroline disse:

    Achei muito interessante a matéria e já li o livro (casais inteligentes crescem juntos)foi uma grande lição para mim.

  36. Paula disse:

    Olá, tentei abrir a planilha e não consegui, será que você consegue em envia-la por email? Abs, Paula

  37. Oi Paula e todo mundo que não consegue abrir a planilha. Má notícia: o site http://www.comdinheiro.com, que criou essa planilha fantástica, a tirou do ar 🙁 Maior tristeza, né? O que vocês podem fazer é entrar em contato com eles e pedir pra republicarem! Espero que considerem os pedidos… Beijos

  38. Marcus Felipe disse:

    Pessoal, quero reforçar o que outros disseram anteriormente: o preço dos imóveis estão sempre aumentando! Cansei de ler reportagens dizendo que os preços dos imóveis quase que duplicaram ou triplicaram! É só vocês fazerem buscas na internet para vocês conferirem.

    Comprei um apê na planta, ele valia R$ 170 mil no lançamento. Hoje a região se valorizou tanto que o valor das outras unidades que ainda estavam em venda pulou pra R$ 270 mil. Já li uma reportagem sobre um casal que ficou desesperado depois que o imóvel que eles queriam praticamente dobrou de preço!

    Atualmente moro de aluguel enquanto espero meu apê ficar pronto. Em janeiro deste ano tive um reajuste nas mensalidades de 72% depois do fim do contrato. Será que o aluguel de vocês também terá reajuste depois do fim do contrato?

    Vão com calma, coloquem tudo na planilha. No meu caso, eu levaria muito tempo morando de aluguel e poupando parte do salário até ter o valor do imóvel que eu comprei. E ainda bem que eu comprei o imóvel antes da valorização da região!

    Abraços!

  39. Oi Marcus Felipe! Realmente, são muitas variáveis! Eu continuo morando de aluguel e poupando para, um dia, quando achar que for a hora e que os preços estiverem de acordo com minha expectativa, comprar meu próprio apê. Também tive reajuste mas, para mim, esta continua a melhor opção! Beijos!

  40. laiane disse:

    Nossa, eu me entusiasmei com essa informação, aqui onde eu moro a média do aluguel é de R$250,00, a parcela da caixa pode ser até de R$200,00, porem nao estamos em condição de financiarmos por agora a burocracia nao nos permite, e tbm nao temos os 10% da entrada e nem o valor que será gasto com a documentação. Agora não sei se será mais vantagem morarmos de aluguel ou tentar o financiamento que além de sair caro vai demorar, e teremos que ficar com a vó dele heheh

  41. Bianca disse:

    Antigamente realmente era interessante ter casa própria, era a forma mais inteligente de ter seu dinheiro protegido para não ser tomado pela inflação. Hoje em dia existem formas de investimentos das mais variáveis!! E na minha opinião imóvel não é mais sinal de investimento, chegou um ponto onde a maioria das boas regiões não tem expectativa de valorização, elas já estão valorizadas. Eu e meu noivo optamos pelo aluguel, e ele e minha cunhada vendeu a casa que era de seus pais, ao invés de comprarmos uma casa e acabar com o dinheiro, optamos por investi-lo e deixar o patrimônio crescendo! Achamos a melhor escolha, porém vai do sonho de cada um! Não existe certo ou errado, existe o que é bom ou não para nós!
    Bjus Cintia!!

  42. Flávia disse:

    De um ponto de vista mais emocionante, vale mais à pena morar de aluguel e juntar dinheiro. Tirando o risco de sequestro, com o dinheiro você pode fazer uma bela viagem todo ano e, eventualmente, tirar uma partizinha para fazer alguma estravagância, quem sabe até morar num apartamento luxuoso por alguns meses, sendo que você jamais conseguiria comprá-lo na vida :).
    O importante é ter dinheiro na conta e, depois de alguns longos anos de aluguel, comprar uma bendita casa, mas mantendo uma boa bolada na conta.

  43. Aline disse:

    Olá,

    Já li a obra do Cerbasi e gostei muito dessa opção de aluguel com poupança x financiamento, mas não podemos equecer que esta é uma bela opção para casais que tem algum valor guardado e enquanto se poupa o dinheiro previamente invetido vai rendendo…
    Também recomendo o livro 12 meses para enriquecer – o plano da virada, que trata de finanças para quem vai casar ou não, e no site deles: http://www.oplanodavirada.com.br/ também é possivel baixar calculadoras financeiras.

    Boa sorte a todos

  44. Patrícia disse:

    Eu comprei um apartamento na planta por R$ 75.000,00 financiado. Recebi ele mes passado. Hoje consigo vender ele por R$ 110.000,00, tirar R$ 75.000,00 para quitar minha dívida com o banco, visto que pagando a vista ele nãopdoem cobrar os juros, pagar uns R$ 10.000,00 pra imobiliária que vendê-lo para mim e ficar com R$ 25.000,00 no bolso sem dever ninguém. Se eu fosse pagar o aluguel dele, com o que restaria fazendo o que você propôs eu demoraria 34 anos para comprar o apartamento a vista, sendo que meu financiamento é de apenas 20…. fora que daqui 34 anos ele deve estar bem mais caro..

  45. Olá, Patrícia! Nessa conta, você não está considerando o valor dos juros do seu financiamento. É aí que mora o truque: ter um aluguel que, no período total do plano, saia por menos que os juros do financiamento. De qualquer maneira, a valorização de um apê comprado na planta depois que fica pronto é, realmente, um ponto positivo para quem escolhe essa opção. Como falamos no post, não existe certo e errado… Existe a estratégia que mais combina com os noivos! Beijos!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *