Paula e Vinicius: um casamento lindo, cheio de toques pessoais e DIY 1


Carro antigo de noiva (Citröen 1948) e noivos em seu casamento.

Hoje é dia de engordar nossa seção de posts de casamentos reais com o relato do grande dia da Paula e do Vinicius. Já sabem como funciona, né? Para navegar pela galeria de fotos, cliquem na primeira e usem as setas do teclado para ver as outras. No fim do post, tem a ficha técnica com todos os fornecedores que os noivos recomendam!

“Eu e o Vinicius sempre fomos muito ‘pé no chão’ para tudo, e por isso cada etapa do nosso namoro foi um tijolinho para construção do que eu pretendo que seja um casamento daqueles que duram para sempre. Por isso, primeiro compramos nosso apartamento, depois, quando ele estava para ser entregue, que começamos a pensar em nos casar. E nessa brincadeira, foram 8 anos de namoro e mais 1 ano e 3 meses de noivado.

Durante toda a nossa preparação para ‘o grande dia’, tínhamos sempre em mente que queríamos fazer tudo da melhor forma possível dentro das nossas condições, mas que o mais importante não era ‘o grande dia’, mas sim o que viria depois dele. Tanto que a nossa frase, no convite, nos chinelinhos que entregamos e em outros detalhes era: ‘Este é apenas o início. O melhor está por vir‘. Mas tudo o que fizemos foi com grande carinho, atenção, dedicação, empenho, amor.

Uma das coisas mais legais que teve durante esse tempo todo foi ver a empolgação das nossas famílias. Por causa disso, eu ‘aproveitei’ a boa vontade de todo mundo para que nos ajudassem nos detalhes. Minha avó fez todos os porta-guardanapos e ficaram lindos!! Meu avô emprestou o carro antigo dele (um Citröen 1948) para me levar até a igreja, e depois da igreja até a festa. Esse carro ele tem faz muito tempo, e uma vez eu presenciei uma pessoa fazendo uma oferta no carro, que é muito bem conservado. E ele disse ‘Esse carro eu não vendo. Esse vai levar minhas netas à igreja’. Fofo, né?

Meus avós, aliás, tiveram outra participação fundamental no meu casamento. Eles nos presentearam com a aliança do casamento deles, que aconteceu há 59 anos. Fiquei super emocionada quando eles nos deram as alianças, alguns meses antes do casamento, e os convidei a entrar com elas na cerimônia, pois seria muito simbólico! No início eles não quiseram, mas na semana do casamento, eles mudaram de ideia e, no dia, levaram para nós as alianças. Acho que foi o momento mais emocionante da cerimônia!!

Mas voltando à preparação das coisas do casamento…

Minha mãe teve uma ideia genial para lembrancinhas: espátulas de bolo com a gravação do nosso logo; meu pai executou a ideia, indo atrás das espátulas e de um lugar para fazer a gravação – ficaram perfeitas (e o melhor, cerca de R$4,00 cada uma, pronta, com embalagem e tudo).

Minhas irmãs fizeram mais de 30 plaquinhas de pista (mas infelizmente esquecemos de levar no salão no dia…) e o kit banheiro, que ficou a coisa mais delicada do mundo, e com a identidade visual de toda a festa. Se tivéssemos mandado fazer em uma empresa especializada, não teria ficado tão bonito!

Uma amiga querida fez o logo com os nossos nomes que usamos nos convites e em todos os detalhes da festa. Ela também fez um vídeo com as fotos do nosso ensaio fotográfico, mas que, infelizmente, também acabou não sendo passado no dia, por uma falta de comunicação entre o pessoal responsável (um ficou esperando o outro dar ok pra soltar o vídeo).

Acho que a maioria das coisas que eu imaginei para o dia do casamento saiu como o esperado. Gostei muito de todos os profissionais que eu contratei e trabalhei (relação abaixo), mas a dica que eu dou é sempre pesquisar bastante, conhecer pessoalmente o produto/serviço e pechinchar. O meio de casamento é caro mesmo, mas sempre alguma vantagem você consegue, ou um preço melhor para pagamento à vista, ou melhor forma/prazo de parcelamento… E busque sempre fechar o contrato diretamente com o profissional/empresa e não por meio de terceiros. Nessas, eu economizei alguns bons reais!

O que não saiu como planejado, como as coisas que eu disse aí em cima e algumas outras coisas (também esqueci de levar o cardápio das mesas para o buffet, a cantora da banda que eu queria não pôde estar presente no dia, substituíram a massa que eu tinha escolhido por uma outra…), não me deixou nervosa, decepcionada, nada. Porque como eu disse no começo, o mais importante é o que está acontecendo agora, depois de tudo isso que passou muito rápido, que é a vida que eu estou levando com o Vinicius, e que por enquanto está muito gostosa!”

Ficha técnica:
Vestido de noiva: Allure Bridal (Black Tie)
Fotografia: Patricia e Márcio Fotografia
Vídeo: DDO Cine Wedding
Cerimônia: Paróquia São José do Ipiranga
Música da Cerimônia: Coral Lumen
Buffet e decoração da festa: Palazzo Oliva
Banda: Kremlin
Buquê e Decoração da Igreja: Salete Flores
Dia da Noiva: Espaço K
Doces: Kykah Doces e Rivaldo Nascimento
Bem-casados: Marlene Bem-Casados (Guarulhos)
Bartender: Pepper Drinks
Acessórios: Diana Cantídio
Alianças: presentes dos avós da noiva
Lembrancinhas: pais da noiva
Porta-guardanapo: avó da noiva


Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

 

um comentário em “Paula e Vinicius: um casamento lindo, cheio de toques pessoais e DIY

  • Cibele Costa

    Boa noite. Lindo casamento, muito rico em detalhes e a gente o carinho como foi preparado e esperado. Tenho um casal de filhos e ambos estão noivos. O filho casará em outubro de 2014 e a filha ainda não marcou a data, provavelmente 2016. Adorei a ideia das lembrancinhas (espátulas), muito criativa. Mostrei a minha filha que também amou!!! Por favor, onde encontro para comprar e depois gravar?
    Muito obrigada e mais uma vez parabéns a toda a família pelo carinho e dedicação.